Os 4 Instrumentos Mais Fáceis de Tocar

Tocar um instrumento musical traz uma alegria e uma satisfação que é indescritível.

Sem contar os benefícios para a saúde como a diminuição do estresse, a melhora na capacidade de memorização e na coordenação motora.

E se você também que aproveitar todos esses benefícios, reunimos aqui alguns dos instrumentos mais fáceis de tocar para quem deseja iniciar no mundo da música.

Violão

O queridinho dos brasileiros, presente nos mais diferentes estilos musicais. O violão não é um bicho de sete cabeças como muitos acreditam. Esse é um dos instrumentos mais fáceis de tocar.

Mas antes de começar a aprender a tocar esse instrumento, você precisa escolher entre um violão com cordas de nylon ou de aço e também entre um violão com corpo jumbo, folk ou ao estilo clássico.

O violão de nylon é mais confortável para aprender a tocar, não machucando muito os dedos. Porém esse tipo não tem muito brilho e é mais indicado para quem toca MPB.

Já o violão de aço é indicado para diferentes estilos musicais, sendo mais usado para música pop, sertanejo, rock, jazz, entre outros.

Quanto a escolha do corpo do instrumento, isso vai de gosto.

Compartilhe Esse Artigo Com Seus Amigos no Facebook

Compartilhe Esse Artigo Com Seus Amigos no Twitter

Compartilhe Esse Artigo Com Seus Amigos no E-MAIL

Dizem que pessoas pequenas se adaptam melhor aos violões no estilo jumbo ou clássico. E que os no estilo folk são indicados para pessoas de estatura mediana ou superior, mas isso não é regra.

Os violões jumbo tem um pouco mais de graves. Já os folk pendem mais para os médios e, em sua maioria, tem uma sonoridade mais alta.

É importante também mencionar que o violão jumbo conta a versão jumbo e a mini jumbo (que possui um corpo menor e muitos são vendidos como sendo jumbo, atente-se a isso).

Caso você queira tocar violão, mas ainda não teve a oportunidade. Vou deixar aqui minha indicação do melhor curso de violão online, clique aqui e acesse o curso.

Guitarra

A guitarra é também um dos instrumentos mais fáceis de tocar, exigindo apenas dedicação e treino constante.

O único porém é que você terá que gastar um pouco mais, pois precisará de um amplificador ou cubo para poder tocar.

A guitarra possui também diferentes tipos de modelos, tais como Les Paul e Stratocaster.

A Stratocaster pode ser usada para diferentes estilos musicais, do mesmo modo que a Les Paul. Mas há quem diga que a Les Paul é mais voltada para o blues, enquanto a Strato é mais versátil, devido aos timbres distintos de cada uma.

Mas, novamente dizendo, isso varia de gosto. Você escolhe o modelo da sua guitarra de acordo com o que gostar e com a sonoridade que deseja obter.

Vale também mencionar que as guitarras possuem cordas com diferentes “tensões”. Isso quer dizer que há cordas de tensão mais pesada que proporcionam uma sonoridade mais alta, com mais corpo, no entanto que são mais “duras” para se tocar. Já as cordas de tensão baixa são mais macias, mas tem uma sonoridade mais “fraca”, menos encorpada.

Para aprender a tocar guitarra, ao contrário do violão, você machuca menos os dedos (aquela “calejada” necessária para fazer os acordes no violão).

No entanto, para tocar guitarra de modo profissional será necessário desenvolver algumas habilidades como palhetada, improviso e outras técnicas que, apesar de serem usadas algumas vezes no violão, são mais voltadas para a guitarra.

Contrabaixo

O contrabaixo é também um dos instrumentos mais fáceis de tocar, porém, se comparado com o violão, ele fica atrás desse.

Mas esse pouco mais de dificuldade para aprender a tocar não diz respeito a fazer soar os acordes, já que suas cordas são mais grossas, mas dificuldade porque para tocá-lo efetivamente é necessário estudar bastante sobre escalas, intervalos musicais, modos gregos, etc.

No contrabaixo é necessário um pouco mais de teoria para realizar a prática. Do contrário você ficará apenas “marcando”, que é ficar apenas tocando a nota que dá nome ao acorde da música, a tônica de cada acorde.

E você não quer ser apenas um “marcador”, não é mesmo?

O contrabaixo também possui diferentes modelos e, do mesmo modo que a guitarra, suas cordas possuem diferentes tensões. Assim poderá escolher a que for melhor para você.

Teclado

O teclado é um instrumento incrível, de melodias e harmonias, permitindo que você faça diferentes coisas.

Você não precisa “calejar” o dedo para conseguir fazer soar os acordes. Basta apenas que você pressione as teclas correspondentes e o som sairá.

Em outras palavras, o primeiro acorde no teclado será algo instantâneo, ao contrário dos instrumentos de corda como guitarra, violão, entre outros, ou de instrumentos de sopro, por exemplo, que necessita de alguns dias de treino para tal resultado. Logo, ele é também um dos instrumentos mais fáceis de tocar.

Há teclados de diferentes faixas de preço, variando de acordo com a quantidade de oitavas (mais teclas ou menos teclas, a grosso modo falando), marca, recursos, etc.

No entanto, o teclado exigirá um pouco mais de coordenação entre ambas as mãos. Mas, como já dito, o treino constante te ajudará a desenvolver as habilidades necessárias para tocar um instrumento musical.

Passos importantes

Agora que você escolheu o instrumento que deseja aprender, é importante tanto dedicar-se ao estudo dele quanto também contar com um guia.

Contudo com um método, um guia, você evita caminhos que possam te fazer perder tempo e também aprender coisas erradas (desenvolver vícios).

Resumo do Artigo Os 4 Instrumentos Mais Fáceis de Tocar

  • Violão
  • Guitarra
  • Contrabaixo
  • Teclado
  • Passos importantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *